9 de maio de 2017

PMN declara apoio a Ronaldo Caiado

Representantes do PMN em Goiás estiveram na tarde da última sexta-feira (06/05) com o senador Ronaldo Caiado (Democratas) em Goiânia para manifestar apoio ao trabalho do parlamentar e também na construção de um novo projeto para Goiás

Presidido por Eduardo Macedo, o partido quer aglutinar forças para que a oposição ganhe musculatura em sua caminhada até o ano que vem.

“Nós do PMN ficamos muito felizes de estar juntamente ao senador Ronaldo Caiado hoje. Discutimos diversas possibilidades para Goiás, que precisa de mudança de administração. O senador possui inúmeros projetos que o PMN entende que pode colaborar. Estamos muito felizes pela forma com que fomos recebidos aqui. Vamos trabalhar a construção de um grande projeto para Goiás agora em 2018”, afirmou.

José Netho, presidente do PPL, também presente na reunião, e falou de sua satisfação em colocar pode participar desta caminhada ao lado do democrata. Ele teceu elogios à postura do parlamentar na política.

“Falta aos nossos líderes a vontade de dialogar com os partidos menores, como você está se dispondo a fazer. Isso mostra grandeza e espírito democrático. É uma atitude muito importante, ainda mais nesse cenário complexo hoje de Goiás”, disse José Netho.

As conversas com os partidos têm sido frequentes. Nas últimas semanas o senador também conversou com o presidente nacional do PHS, Eduardo Machado, para selar uma parceria. No encontro Ronaldo Caiado falou das dificuldades sofridas pelos goianos o atual governo do Estado e de sua proposta de abrir espaço para ouvir a população. Para o senador, o momento é de agregar forças para construir uma base sólida de mudanças para Goiás.

Ao mesmo tempo Ronaldo Caiado trabalha para manter o Democratas unido com o PMDB. O parlamentar tem afirmado com firmeza que quem apostar na discórdia da oposição irá perder.

Acompanharam Eduardo Macedo no encontro de hoje os colegas de partido Carlos Eduardo, Marcelo Gonçalves, Rodrigo Dotti da Cunha, Nielson Timóteo e Luiz Inácio Martins.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Arquivo